Ferramentas open source para webdesigners

A maioria dos softwares usados por webdesigners são da Adobe. Isso explica os altos custos para os profissionais manterem-se atualizados. Porém, existem ferramentas open source para webdesigners que também fazem bonito. Seja para criação de sites ou manipulação de imagens, você não pode perder esse artigo.

1. PhotoGIMP

O GIMP é uma alternativa gratuita ao Photoshop. Por ter interface diferente, os fãs fiéis ao programa da Adobe nem cogitam usar o GIMP. Para quem ama o jeitão do Photoshop, mas não quer gastar uma fortuna, o Dionlinux desenvolveu o PhotoGIMP. Este possui atalhos de teclado e aparência semelhantes ao Photoshop. O PhotoGIMP ainda tem filtros do Instagram e novos Brushes. Por ser um patch, o usuário deve ter o GIMP instalado. Quem não possui, basta ir ao site oficial do GIMP.

2. Drupal

Plataforma fremework modular para criação de sites, blogs, lojas online e gestão de conteúdo. Esta última característica confere ao Drupal a alcunha de Framework de Gerenciamento de Conteúdo (CMF). Esse software tem o básico de CMS, APIs e estrutura modular. O modo básico possui, além do gerenciamento de conteúdo, fóruns, comentários, permissões e usuários. Instalando versões avançadas é possível incorporar 15 mil módulos. O Drupal é utilizado por empresas como Sony, Warner, Sony Ericsson, Marinha do Brasil e Grupo Abril.

Visual do Drupal instalado.

3. Inkscape

Software para edição de gráficos e documentos vetoriais SVG. Substitui o Ilustrator, InDesign e o Corel Draw eficientemente no Windows, Mac e Linux. O Inkscape suporta os formatos PNG e JPG e dá liberdade ao usuário, pois, permite o desenvolvimento de efeitos. Ainda assim, devemos destacar as ferramentas: vetorização, transparência, múltiplas camadas, anti-aliasing, degradés, edição de nós e textos. Com a versão atual é possível renderizar em 3D pelo menu Extensions. Quer mais? O Inkscape ocupa pouco espaço.

Tela do Inkscape

4. Joomla

Plataforma gerenciadora de conteúdo CMS para desenvolvimento de sites e blogs. Semelhante ao popular WordPress, dispensa conhecimentos de programação. Com seu editor WYSIWYG, o Joomla o usuário gerencia banners, cria sumário de conteúdo em RSS, cria estatísticas de visitantes, desenvolve enquetes e índices de avaliação de usuários. As versões atuais permitem gerenciar conteúdos por tablet e smartphone.

5. Greenfish Icon Editor Pro

Software livre para desenvolvimento e edição de ícones. Com o Greenfish Icon Editor Pro, arquivos em JPEG, PNG, BMP, XPM, CUR e ICO são abertos e salvos com rapidez. Dentre as ferramentas de cor, destacam-se a inclusão de tons de cinza, sombreamento, controle RGB, solarização e saturação. Os demais atributos é a criação de ícones de 256×256 para Windows Vista, extração de ícones e cursores executáveis, variedade de filtros e a utilização online.

Tem mais dicas de ferramentas open source para webdesigners? Comente aqui.

31/05/2017