Como conquistar e fidelizar clientes sendo freelancer?

Ser um freelancer é uma tarefa que exige bastante força de vontade, isso porque a conquista de novos clientes e a fidelização desses clientes é uma tarefa importantíssima para o sucesso profissional. Mas, a questão é: como conquistar e fidelizar clientes da melhor forma possível, de uma maneira que seja simples e eficaz?

 

Conquiste e fidelize seus clientes

Encontre um cliente

A melhor forma de se encontrar um cliente sério, é através de um site de intermediação, como o Workana ou o 99freelas, por exemplo, onde você realiza um cadastro utilizando e-mail e dados, após esse cadastro basta começar a busca pelos projetos e clientes em potencial.

Esses sites são rápidos e fáceis de utilizar, pois segmentam os projetos que são postados, principalmente aqueles que se encaixam em suas especialidades.

 

Como conseguir o projeto

Assim como em um emprego comum, a relação do freelancer com o cliente começa no momento da contratação. Quando o contratante te olha, conversa e enfim decide se você está apto para realizar o que ele deseja. Mas, o que pode interferir no momento de você ser escolhido para o projeto?

A comunicação nesse momento é essencial, seja em qualquer área do projeto. A boa comunicação com o cliente é essencial para conquistar a contratação, até mesmo em um trabalho como freelancer. Por essa razão, é essencial que desde o inicio você se comporte educadamente, passando ao cliente a aparência de um profissional sério e competente.

Toda essa boa comunicação está aliada à uma boa educação, boa dicção e boa desenvoltura para responder corretamente o contratante que está aguardando seu trabalho.

 

Apresente seu portfólio

Essa é a melhor forma de mostrar ao seu cliente o tipo de profissional que você é e como você trabalha. Seu portfólio é um verdadeiro exemplo de toda sua capacidade e qualidade de trabalhos, sendo a verdadeira chave para que seu cliente contrate você para trabalhar naquele freela.

 

Como tratar seu cliente corretamente

Após ser contratado para o projeto, é necessário ter conhecimento a respeito do assunto, portanto será necessário tratar com o cliente sobre o trabalho, e durante esse momento de comunicação, gírias não devem ser utilizadas, assim também como o cliente jamais deve ser tratado da mesma forma com a qual você costuma tratar seus amigos.

Com o tempo, pode ser que você e seus clientes se aproximem mais, até pela produção do trabalho, a conversa pode até perder todo o tom formal do início, mas lembre-se que é essencial ter em mente sempre de que esse é um relacionamento profissional.

 

Quando o cliente não tem razão

Muitas vezes poderão acontecer situações onde o projeto que seu cliente deseja que seja desenvolvido não seja exatamente adequado para a empresa. Não é nada fácil dizer ao cliente que essa pode não ser uma boa opção para empresa, não é mesmo? Mas, como você pode dizer isso ao seu cliente?

Nem sempre será preciso começar do zero algo que o cliente deseja desenvolver, portanto é chegada hora de começar a formar a ideia inicial. Comece com os pontos positivos da ideia ao invés de apenas apontar os erros no projeto proposto.

Mostre ao cliente o que está bom e onde pode mudar, fale sobre as ideias do cliente que são ótimas, mas seriam ainda melhores se fossem feitas de outra forma. Tudo isso pode até parecer inútil, mas fará com que o cliente tenha a mesma visão que você tem ao enxergar seu projeto.

Além de tudo isso, lembre-se de cumprir sempre com os prazos que você se comprometeu a cumprir. Caso o prazo não possa ser cumprido ou seja muito curto, basta apenas conversar com o cliente antes de aceitar o prazo.

 

Você também pode se interessar por:

06/04/2018